terça-feira, 20 de dezembro de 2011

COSMOPOLITAN DRINK By LUXOR LAS VEGAS




                                  TRINTA MIL ACESSOS


SUCESSO!
                                  Este brinde é nosso Júlio Fonseca!!



Combinamos comemorar juntos né amigo? Então segue este drinque para que a originalidade seja preservada.





MUITO SUCESSO!

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

CEIA DE NATAL


Com Tradição


Este é um post de sugestões, porque seu objetivo é atender  pedidos de receitas e elaboração do cardápio para a Ceia de Natal. Isso me intriga um pouco porque por mais que tente elaborar um jantar específico me vejo diante um pequeno dilema. Qual  novidade podemos trazer para a tradicional ceia Natalina com um cardápio já fixado em nossas memórias e que sempre foi composto de um belo peru,  tender,  filé,  bacalhoada, uma massa, camarão caprichado, arroz sofisticado, farofa chic, salpicão ou salada russa, salada verde e várias sobremesas, incluindo as famosas rabanadas.
Assim sendo, qual é o dilema? Não tem como fugir à tradição e isso nos remete fato de existem as receitas de família no mundo todo.
A minha minha família por exemplo se divide porque muitos gostam de cozinhar e cada um tem sua especialidade, mas mesmo assim sempre existe uma pequena reunião para mudanças estratégicas no caso de imprevistos.
Eu particularmente apenas elaboro um pouco mais as receitas e capricho na apresentação dos pratos e exagero na arrumação da mesa.
O segredo é aproveitar os ingredientes das cesta que ganhamos de presente e investir nos tão famosos presentes duplicados.

SUGESTÕES:
As nozes e frutas,assim como os biscoitos, panetones e chocolates, têem lugar garantido nas saladas e sobremesas;
As castanhas, pistaches, avelãs, passas e nozes junto aos queijos servimos de entrada e incrementamos o arroz;
Se tiver mais de um peru faça receitas diferentes, recheando um por exemplo. Deixando assim o pernil para o Ano Novo; (Dizem que não devemos comer aves no Ano Novo porque cisca nossa sorte., rs)
O Chester também pode ser utilizado para o recheio da massa e o salpicão;
Com o camarão faça uma empadão ou uma massa com molho quatro queijos;
O filé deve ter um molho, mas se preferir faça um strogonoff.
Sempre faço um arroz branco porque as crianças aceitam melhor e outro a grega porque tem a cara do natal.
E se não tiver cestas nem presentes vá as compras com antecedência e carinho.

DICA:
Não esqueça que é NATAL e a simbologia desta festa é reunir a família para uma ceia fraterna, portanto faça o que for possível.
A magia, o encontro, a roupa nova, os presentes na árvore, o amigo: Secreto, urso, oculto ou ...
A música, as luzes, os sonhos se realizando no presente tão esperado, a emoção no olhar das mães e o brilho no olhar das crianças sempre acompanhado de sorrisos inesquecíveis, isso certamente terá mais importância para todos nós.

PS. ESTOU COM MINHA FAMÍLIA NESTE NATAL APÓS CINCO ANOS DE AUSÊNCIA.



sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

NEVASCA




Extremo Norte

Há dias em que amanhecemos assim, tudo continua como sempre foi ou até com uma nova beleza natural que uma simples nevasca nos trás. Mas sentimos um gelo dentro de nós, um frio inexplicavel que não sabemos porque ele nos envade dessa forma repentina.

Foi assim comigo hoje, e o que me faz sofrer ainda mais é não saber se será preciso esperar uma estação inteira para o inverno acabar, muito menos ter que sofrer o processo de dissolução da neve.
A única certeza é tudo depende dos ventos.

Senhor! Que bons ventos possam aquecer meu coração me tragam um pouco conforto. Da mesma forma que o fogo da lareira nos conforta em dias de nevascas.




segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

OUTONO EM NOVA YORK



Natureza morta também é arte!


Hoje estou outono, e sinto uma profunda dor ao precisar aceitar que por consequência da natureza preciso permanecer seca por um longo período de tempo.
Conversava um amigo via skype,  ele abriu a cortina e falou que lá as folhas já caíram quase em sua totalidade, senti o frio cortante do inverno com nostalgia, mas mesmo assim  senti uma certa satisfação ao lembrar que  desfrutei com prazer as oportunidades de sentar nos bancos do Central Park no outono para assistir o cair das folhas a cada nova rajada de vento. Bem como não deixar de me surpreender com a mudança do cenário quando ali voltava uma semana depois, adquirindo assim uma maior compreensão da necessidade de renovação que a vida tem.
Agora com mais uma etapa da vida foi cumprida, e encerrada uma época de maiores possibilidades sinto saudade de assistir outonos em Nova York, minha filha morava lá havia quase três anos.
Ela está comigo por esses dias mas logo partirá novamente, sendo agora para um outro País em busca de uma especialização em sua carreira profissional, me fazendo sentir novamente a dor da perda, são minhas folhas levadas pelo vento da vida.
Repito que hoje estou outono e fico a espera do meu inverno agora, cumprindo a missão de mãe e aprendendo a lidar melhor com as estações da vida.
Cecilia Meireles disse:
"Aprendi com a primavera a me deixar cortar. E a voltar sempre inteira."

sábado, 10 de dezembro de 2011

SOBREMESAS DE NATAL III




Bolo de Natal


INGREDIENTES:

200 g de uva passa branca
200 g de uva passa preta, sem sementes
1 xícara de vinho do porto
200 g de manteiga em temperatura ambiente
2 1/2 xícaras de açúcar
1/4 de xícara de leite
8 ovos
4 xícaras de farinha de trigo
1/2 colher (chá) de sal
300 g de nozes moídas
1 colher (chá) de noz-moscada, cravo e canela
1/2 colher (sopa) de fermento em pó
2 xícara de frutas cristalizadas
2 figos cristalizados picados

MODO DE FAZER:

Deixe as passas de molho no vinho do porto por algumas horas ou de um dia para o outro. Na batedeira, bata bem a manteiga, o açúcar e o leite. Adicione os ovos, um de cada vez, alternando com a farinha, o sal, as nozes moídas, a noz-moscada, o cravo e a canela e bata rapidamente só para misturar. Adicione o  fermento e misture delicadamente com uma colher de pau. Acrescente as frutas cristalizadas e as passas deixadas de molho. Despeje em uma fôrma grande de buraco no meio untada com manteiga, e leve ao forno preaquecido, por 40 minutos. Abaixe para moderado e asse por mais uma hora e 20 minutos ou até que, enfiando um palito no centro, ele saia limpo. Se escurecer demais antes do tempo, cubra com papel-alumínio e continue assando. Retire do forno e deixe esfriar completamente.





SOBREMESAS DE NATAL II



Mousse de chocolate

INGREDIENTES:

Oito ovos
Seis colheres de sopa de açúcar refinado
Uma barra de chocolate meio amargo
Uma lata de creme de leite
Uma dose de 50 ml de cointreau
Uma xícara de nozes moídas

MODO DE FAZER:

Coloque o creme de leite numa panela pequena e leve ao fogo baixo até começar ferver, desligue e junte o chocolate em pedaços (Uma dica é bater com ele no balcão ainda embalado), mexa um pouco e reserve.
Bata as claras em neve bem firme, adicione as colheres de açúcar uma a uma com a batedeira ligada e em seguida as gemas peneiradas.
Acrescente o ganache que já deve estar frio para que as claras não percam o volume, o cointreau e as nozes, misture com uma espátula delicadamente e leve a geladeira.

PS. Aqui o público gosta da mousse congelada e com calda de frutas vermelhas, que vocês encontram no arquivo do Blog.

ESTE POST FOI À PEDIDOS PORQUE NO NATAL PASSADO POSTEI APENAS A FOTO. E EM NOSSA MESA DE NATAL NÃO PODE FALTAR!


SOBREMESAS DE NATAL I




Rocambole de chocolate


INGREDIENTES:

Massa:

Oito colheres de sopa de farinho de trigo
Oito ovos
Oito colheres de sopa de açúcar refinado
Oito colheres de sopa de chocolate
2 colheres de sopa de água

Bate as claras em neve bem firme, adiciona o açúcar as colheradas, uma a uma e em seguida as gemas, com  a batedeira legada no mínimo.
Junte a água ao chocolate e dissolva bem, misture delicadamente a massa, lev ao forno pré aquecido em duas formas retangulares para que a massa fique bem fininha.
Quando assada no ponte ideal ela solta dos lados, desenforme numa superfície forrada com um pano de prato úmido e polvilhado de açúcar refinado, enrrole quente e deixe esfriar assim.

Recheio:

Um abacaxi pequeno cortado em cubos bem pequenos
Uma caixa de morangos
Uma dose de 50 ml de cointreau
Uma colher de sopa de açúcar de confeiteiro
Misture as frutas e o cointreau, polvilhe com o açúcar e deixe marinar por 6 horas.

Cobertura:

Meio litro de creme de leite fresco
Três colheres de sopa de açúcar de confeiteiro
Uma colher de sopa de essência de baunilha
Bate tudo na batedeira por aproximadamente três minutos, ou até formar um creme.
Reserve a parte de cima para a cobertura, um pouco mais da metade, e ao restante adicione as frutas marinadas para o recheio.

Montagem:

Desenrole as massas, recheie a primeira e uma na lateral da segunda, continuei o processo e vire a emenda para baixo, corte as extremidades, cubra com o chantily, passe o garfo no sentido lateral, deixe a decoração para a hora de servir.

PS. O ideal é fazer pela manhã para que fiquei bem gelado e para que a massa absorva o recheio.

VARIAÇÕES:

O recheio pode ser de pêssego em caldas, frutas vermelhas ou simplesmente com chantily e frutas frescas como na foto acima, já que é Natal vamos caprichar na apresentação!



terça-feira, 6 de dezembro de 2011

AUSÊNCIA TEMPORÁRIA II




Musicas do papai Noel
Um beijo!

PS. VOLTO COM UMAS RECEITAS MARAVILHOSAS PARA NOSSA CEIA...


segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

MESA DE NATAL

A mesa de jantar


O Natal é uma festa para reunir a família em volta da mesa e curtir um delicioso e tradicional jantar, por esse motivo devemos caprichar na arrumação para que nosso Natal seja ainda mais encantador.




O guardanapo é o charme

Não precisamos de muitos elementos para conseguir uma mesa temática, aqui eu apenas dei um toque especial no guardanapo com uma bela flor natalina. Combinei os tons dos demais itens e consegui um efeito muito charmoso.


PS. OBSERVEM QUE OS COPOS SÃO VARIADOS, O QUE EM MINHA OPINIÃO FAZ TODA DIFERENÇA. ADORO USAR COPOS COLORIDOS E DE TODOS OS TIPOS.


ÁRVORE DE NATAL

Quando as meninas armaram a árvore eu achei ela linda como uma planta, e resolvi fotografar. O que redeu uma matéria de passo à passo na montagen da árvore. ( Solicitação atendida, amigas!)


Aconteceu de não acharmos os piscas do ano passado e ela ficou alguns dias assim, finalmente o Miguel (O sobrinho neto de três anos) falou sério: Vovó, não tem um homem para acender as luzes e tia Rosário locolar os enfeitos* da árvore!! A avó foi comprar novos e nós duas instalamos.



Quando ligamos ele fez: Ah!!  E para sua felicidade, finalmente começou a o processo de decorar, colocar os enfeitos* que Miguel tanto cobrou. O tema escolhido foi o tradicional verde, vermelho e dourado.


 Devemos sempre começar com os elementos maiores, eu gosto de flores, laços e algumas folhagens, depois vou destribuindo as bolas e enfeites menores. Por fim, como manda a tradição, o laço e a estrela do topo.


Os laços

A flor de Natal
Os enfeites













Resultado final
 




                                                                                               

domingo, 4 de dezembro de 2011

E A VIDA?






 Mais uma vez cinzas...Tento escrever sobre o que me ocorre agora, e vem a letra dessa música.


E a vida? E a vida o que é, diga lá, meu irmão?
Ela é a batida de um coração?
Ela é uma doce ilusão?
Mas e a vida? Ela é maravilha ou é sofrimento?
Ela é alegria ou lamento?
O que é? O que é, meu irmão?
Há quem fale que a vida da gente é um nada no mundo,
É uma gota, é um tempo
Que nem dá um segundo,
Há quem fale que é um divino mistério profundo,
É o sopro do criador numa atitude repleta de amor.
Você diz que é luta e prazer,
Ele diz que a vida é viver,
Ela diz que melhor é morrer
Pois o verbo é sofrer.
Eu só sei que confio na vida
E na vida eu ponho a força da fé,
Somos nós que fazemos a vida
Como der, ou puder, ou quiser,
Sempre desejada por mais que esteja errada,
Ninguém quer a morte, só saúde e sorte,
E a pergunta roda, e a cabeça agita.
Fico com a pureza das respostas das crianças:
É a vida! É bonita e é bonita!


PS. A música vem e começo escrever, mas até por resposabilidade sobre o que publico me sinto no dever de pesquisar. Descubro que minha memória não está tão boa assim... rs


Gonzaguinha - Música: o que é o que é

Fonte de pesquisa O Pensador. Vocês encontraram a letra na integra e até a música.


sábado, 3 de dezembro de 2011

SOU UMA PESSOA COM DEFICIÊNCIA


Acessos?


O dia internacional das pessoas com deficiência.

Hoje (03 de dezembro) é uma data comemorativa internacional promovida pelas Nacões Unidas desde 1998, com o objetivo de promover uma maior compreensão dos assuntos concernentes à deficiência e para mobilizar a defesa da dignidade, dos direitos e o bem estar das pessoas. Procura também aumentar a consciência dos benefícios trazidos pela integração das pessoas com deficiência em cada aspecto da vida política, social, econômica e cultural. A cada ano o tema deste dia é baseado no objetivo do exercício pleno dos direitos humanos e da participação na sociedade, estabelecido pelo Programa Mundial de Ação a respeito das pessoas com deficiência, adotado pela Assembléia Geral da ONU em 1982.


sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

NATAL DE LUZ






Guirlanda




GOSTARIA DE SUGERIR QUE CADA UM NÓS COLOQUE QUATRO VELAS EM NOSSAS GUIRLANDAS PARA ACENDER:

A PRIMEIRA DIA OITO DE DEZEMBRO

A SEGUNDA DIA DE NATAL

A TERCEIRA DIA DE ANO NOVO

A QUARTA DIA SEIS DE JANEIRO, DIA DE REIS.






quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

SEJA BEM VINDO DEZEMBRO





 Estamos na reta final


                                          Cortar o tempo



Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias,
a que se deu o nome de ano,
foi um indivíduo genial.

Industrializou a esperança, fazendo-a funcionar no limite da exaustão.

Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos.
Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez, com outro número e outra vontade de acreditar que daqui pra diante vai ser diferente.



(Carlos Drummond de Andrade)