terça-feira, 31 de maio de 2011

COMTEMPLAR







                                

Vivo indagando
ando... onda céu, onda mar
sento... onda mar, onda céu
nesse quando amanhece e a tudo me arremesso,
verdades mais secretas e mais nuas.
É assim quando o mar não forma onda.



Ando esperando
ando... onda sol, onda mar
sento... onda mar, onda sol
nesse quando anoitece e a nada me arremesso
mentiras mais sinceras e menos nuas.
É assim quando a onda se forma no mar.

(Rosário Lyra)

terça-feira, 24 de maio de 2011

PRAIA DA JATIUCA



 MARÉ ALTA EM MIM



 MEU DIA COMEÇOU ASSIM...
MARÉ CHEIA DE AUSÊNCIA
SAUDADE VAZANTE
ONDA VIOLENTA DE SAUDADE!


MARÉ CHEIA DE ANGUSTIA
DESEJO DE SER FRÁGIL ESPUMA
ME EMBRIAGA CHEIRO DE BRISA
SOBRESSALTO AO QUEBRAR DA ONDA


PURA NOSTALGIA, TARDE DE SÁBADO!
SEDE DE BEBER  ÁGUA NO COCO
COLHER PITANGA, MANGABA...
COMER GOIABA E ARAÇÁ



  GOGÓ DA EMA JÁ EXAUSTO...
 LAGOA AINDA COM ANTA
VOLTAR ANTES DA MARÉ SUBIR
 BRINCANDO DE PEGA COM O MAR.

segunda-feira, 23 de maio de 2011

INEXPLICÁVEL EXPLÊNDOR

Momentos Mariana



Aqui jaz o sol
Que criou a aurora, deu luz ao dia
e apascentou a tarde.
O mágico de mãos luminosas
que fecundou as rosas e as despetalou.




Aqui jaz o sol
O andrógino meigo e violento,
 que possui
 a forma de todas as mulheres
e que morreu no mar


( Vinícius de Morais )
















domingo, 22 de maio de 2011

O SOL DE AMAR


PÔR DO SOL

O SOL É  GRANDE MAS
 CABE NA JANELA DO MAR,

 O mar é a cidade que de tão grande
 se tornou um mar de cidade.

 O SOL É O MAR
QUE NÃO VEJO DA JANELA DE AMAR.

Mas sei que ele ali está,
 porque o sol gosta de dormir e acordar no mar.

O AMOR QUANDO GRANDE, CABE NA CAMA
E O NO COLCHÃO DE AMAR.

Eu na cama, sob a janela, fotografando o sol
sem amar, com sol para contemplar.





quinta-feira, 19 de maio de 2011

MINI CUPCAKES

A MODA AGORA E FAZER MINIATURAS

AMIGOS LEITORES,  É A TERCEIRA VEZ QUE POSTO CUPCAKES, SENDO ESSAS MINIATURAS MAIS UMA NOVIDADE NOS EUA. MAS ESPECIFICAMENTE EM NEW YORK.

A RECEITA VOCÊS ENCONTRAM NO ARQUIVO DESTE BLOG, O INTUITO DESSA POSTAGEM É MOSTRAR MAIS UMA OPÇÃO PARA FESTAS, JÁ QUE SÃO BEM PEQUENOS, O QUE FACILITA A DEGUSTAÇÃO, ACRESCENTANDO BELEZA A DECORAÇÃO.

FIZ COM A RECEITA DO BOLO DE LIMÃO, POR SER UMA MASSA MAIS LEVE.
SUGESTÃO: VOCÊS PODEM USAR OUTROS SABORES DE GELATINA, ASSIM ELES FICAM BEM COLORIDOS.
ASSAR EM MINE FORMAS DE EMPADA.

quarta-feira, 18 de maio de 2011

ASSIM QUE O DIA AMANHECER







Assim que o dia amanhecer



Praia da Pajuçara/Maceió/AL
 


  
    ( Rosário Lyra)



 
Nestes dias amanheci tantas vezes...

Tomando banho de mar bem cedinho
crianças chutando flor d'água, correndo daqui e de lá
sorridentes pisando algas, 
vendo estrelas do mar se enterrar
catando conchas, olhando ouriço, cavalo do mar

Deste mar senti tanta sede...

Por que  lua cheia seca  maré?
Infinito é o horizonte além mar?
Por que só jangada pesca agulhinha?
O navio é sempre pequeno e anda devagar?

Nestas tardes vejo o pôr do sol até hoje...

Barcos de pesca chegando
peles queimadas, rostos cansados
na praia mulher com penca de filhos
olhar de angústia à espera
de um amor que pode não voltar

Deste sol nasci tantas vezes...

Sou Fênix das Alagoas
praia de ponta verde nascente
mar de pajuçara poente.
Sou filha de arrecifes, corais quebra mar
vento Nordeste encrespando o mar.

                              




SOU EU FÊNIX








Não abro mão dos meus sentidos
não abro mão de minha lógica
não abro mão dos meus direitos, 
por menores que possam ser.
 É preciso fazer valer!


Sou guerreira, não me falta força
descobri superar limitação física
 carrego o peso da dor com dignidade
minha coerência pode não ser a sua.
 Tenho ombridade!

Seu direito termina onde começa o meu
essas ações são minhas. Respeite!
Meus olhos  vêem o mundo diferente  
sou atenta a tudo, todo tempo.
Veja-me também, sou corpo, 
 Existo!


Minhas fronteiras...
ultrapassam  o ponto  delimitado
porque acreditei nunca existirem
 morro na linha do horizonte
posso nascer onde quiser.
Sou Fênix!

 Me vejo  à beira do precipício.
Curiosamente, sobra vontade
me afogo no desejo de me jogar
Ganhar asas  é na realidade. 
 Meu  ressurgir...


(Rosário Lyra)

domingo, 15 de maio de 2011

EXPOSIÇÃO DE ARTE COMTEMPORÂNEA


HOJE AMANHECI COM UM CONVITE EM MINHA CAIXA DE E-MAIL PARA PARTICIPAR DE UMA EXPOSIÇÃO DE ARTE. IMEDIATAMENTE FUI PREPARAR UMA PEQUENA MOSTRA DE MEU TRABALHO COMO ARTISTA PLÁSTICA, PARA PODER DIVIDIR COM VOCÊS OS SENTIMENTOS DE UMA GRANDE EMOÇÃO E  ALEGRIA GRATIFICANTE.

TRIBUTO A GAUGUIN/ESTUDO DE CORES

ESTUDO DE CUBISMO/PICASSO




 ÓPERA/ESTUDO DE EXPRESSÃO FACIAL


COMO CITEI AQUI OUTRAS VEZES, SOU ARTISTA PLÁSTICA AUTODIDATA. MEU LABORATÓRIO FOI FEITO ATRAVÉS DE MUITA PESQUISA SOBRE OBRAS DE GRANDES ARTISTA, APESAR DE SEMPRE TER TIDO UMA ENORME PAIXÃO PELAS DESCONSTRUÇÃO DE PICASSO E AS CORES DE GAUGUIN.

PARA ESSA EXPOSIÇÃO EM ESPECÍFICO, TEREI QUE ESCOLHER UM TEMA E FAZER UM PORTIFOLIO.  MOTIVO PELO QUAL POSTEI ESSAS TELAS. MAS FAREI OUTRO POST QUANDO AS TELAS ESTIVEREM PRONTAS.


MINHA TELA PREDILETA
MINHA VERSÃO DE MUSICOS COM MÁSCARAS/PICASSO














sábado, 14 de maio de 2011

POESIA MATUTA (POR MARCO LYRA)

              
                          VICENÇA                                  

                                         (Zé Brejero)

Quando sortero eu vivia, era o maior aperreio
 devido ser muito feio, as mule não mim queria
sempre pros forro eu ia, com os camaradas meu
eles iam namorar,  tomar cachaça e brigar,
 no fim da festa apanhar, quem ia preso era eu.
Pra mode arranjar namoro, toda vida eu fui mole
dancei samba, puxei fole, e era um cabra vistoso
usava os cabelo louro, a boca cheia de ouro
mas quando falava em namoro,
 as mulé num mim quiria.
Eu dixe foi catimbó, que alguem butô e não sai
vovó casou com vovô, Mamãe casou com Papai
inté meu irmão chicó, muito mais fei do que eu
arranjou casou   eviveu, com cinco mulé inté
 num arranjo uma se quer qui quera se esfregar neu.

Mas um dia o cão se esqueceu e Vicença olho pra eu
nosso olhar se amisturô que nem feijão cum arroz
e nos dois se apaixonemo, num amor tão violento
que marquemo o casamento pra quatro dias depois.
No dia casamento,  quase endoideço por ela
quando entrei na igreja dei de garra da mão dela.
Cheguei no pé do altar,   jurei em nome da crença
o pade dixe umas coisa e fui morar mais Vicença

Numa casinha sinjela, fui logo mim agasaiando
há muito eu vivia sonhando, em dormir com uma donzela
Vicença fez  uma novela,  por dento da camarinha
quebou os caquim que eu tinha, me ameaçou na bala
ela foi dormi na cozinha  e eu fui dormi na sala.
quaje morro de desgosto, porque vicença fez isso
saí cedo prô selviço,  voltei  quase o sol se posto
Vicença  me arrecebeu,
 inté um  freveu pra mode nós doi tomar

Na hora de se deitar, nem se quer olhou pra eu
virou-se pro canto da cama, fingindo qui adormeceu
e quaje deu adoença, quando eu falei em amor
dixe o senhor, pensa que sou o que?
só mim casei com vosmecê, pra mode fazer favor.

Da vida perdi o gosto, de Deus eu perde a crença
no calor da discursão, só nome chamei uns trinta
ligero que nem gato, me alevantei do cochão
 me abufelei mais Vicença, batendo com nega no chão,

 Cum a nega estribuxando dei de mão o facão,
cortei a fita da cinta, e o elástico do calção
Vicença tinha razão, de não querer nada cum eu
 não era cum nojo deu, nem pro mode ser sincera.

 Sabe o que Vicença era?

( ERA MACHO QUE NEM EU )
     

 

sexta-feira, 13 de maio de 2011

DEDICADO A GERALDO LYRA


Chegança
FOLGUEDOS DE ALAGOAS


                               (Rosário Lyra)


Fitas tremulando ao vento
Fogos,  apresentação, palanques
Saia rodada, enfeites de mantas
Guarda peito, calção de cetim
 diadema, coroa e chapéu.

A Lira e o Mestre Madeira 
Igreja em missanga e espelhinhos
Tema é chapéu de destinção
Espada de madeira em punho
figuras em formação.

Contra-mestre Rei e Rainha
Embaixador, Mateu, General
 Caterina e estrela brilhante
Republicana, Banda de Lua e Figuras
Guerreiro de tradição.

Acordeão, pife, tambores
Pandeiro, zabumba e apito
A banda já está tocando
Componentes se balançando
Em filas na formação.

Recitais, o mestre convoca:
Se aproxime a Lira Faceira
Obrigado meu Mestre Madeira
Ele é quem puxa os versos, e ela presta atenção
Repete em voz bem fina, floreando a apresentação.

VERSO

Mas o meu mestre, quem num sabe num se mete
vamo na regra de sete, cuidado pra num errar:

É sete Igreja, é sete Padre,é sete sino,
sete cordão de menino, sete Santo no altar
sete moça pra casar, sete Mestre de guerreiro
tem sete trem passageiro, nas sete estação centra.

Dançando Mazuca
OUTROS VERSOS...


PS. Meu homenageado, Geraldo Lyra me deu um explicação muito interessante. As palavras são pronunciadas ortograficamente incorretas para que seja preservada a rima.                       




















segunda-feira, 9 de maio de 2011

RAÍZES NORDESTINAS

 GUERREIRO, CHEGUEI AGORA, NOSSA SENHORA É NOSSA DEFESA.
 Ô LIA, ONDE TU TAVA? EU TE CHAMA E TU NÃO RESPONDIA.
 EU TAVA EM MACEIÓ, TAVA NA RUA DO SOL ESPIANDO A BEIRA-MAR...

É DURO, FICAR SEM VOCÊ VEZ EM QUANTO, PARECE QUE FALTA UM PEDAÇO DE MIM.
ME ALEGRO, NA HORA DE REGRESSAR, PARECE QUE VOU MERGULHAR, NA FELICIDADE SEM FIM...

FILÉ, ARTEZANATO ALAGOANO

SE UM DIA SENTIR SAUDADE, ESCREVA UMA CARTA PRA MIM, BOTE LOGO NO CORREIO COM FRASE DIZENDO ASSIM: FAZ TEMPO QUE NÃO TE VEJO, QUERO MATAR MEU DESEJO, TE MANDO UM MONTE DE BEIJOS, AÍ QUE SAUDADE DE OCÊ.

ZABUMBEIRO, SANFONEIRO E TRIANGUEIRO
 FORRÓ DAQUI É MELHOR DO QUE O SEU, O SANFONEIRO É MUITO MELHOR, AS MORENINHAS NA BRINCADEIRA A NOITE INTEIRA LEVANTA PÓ.
É ANIMADO NINGUÉM COCHILA, CHEGA FAZ FILA PRA ENTRAR,
E NA ENTRADA ESTÁ ESCRITO É PROIBIDO CUCHILÁ.



MINHA RECEITA DE GANACHE


 
FUNDUE DE CHOCOLATE



GANACHE



INGREDIENTES:

Trezentos gramas de chocolate ao leite ou meio amargo
Duas latas de creme de leite
Um cálice de rum escuro (opcional)

FRUTAS:

Bananas
Uvas
Morangos
Pêssegos
Carambola
Kiwi

MODO DE FAZER:

Coloque o creme de leite numa panela  em fogo bem baixo e deixe abrir fervura, acrescente o chocolate picado e deixe descansar um pouco.
Corte as frutas e disponha nas tigelas do aparelho de fundue.
Volte a panela ao fogo bem baixo e mexa delicadamente e atenta as bordas para não grudar. Não deixe ferver, sirva quente.

O GANACHE TAMBÉM PODE SER USADO E RECHEIO OU COBERTURA DE BOLO;
NA APRESENTAÇÃO DA MOUSSE DE MARACUJÁ COMO PRIMEIRA CAMADA;
COMO BASE  PARA PAVES, TIRAMISSU ...

ESTA É A SUGESTÃO QUE PROMETI PARA APROVEITAR AS SOBRAS DE OVOS DE PÁSCOA.



sábado, 7 de maio de 2011

UM DIA PARA HOMENAGEAR

       
SUGESTÕES DE CARDÁPIO



UMA DELICIOSA SALADA

FILÉ AO MOLHO MADEIRA

PENNE A QUATRO QUEIJOS



ENTRADAS E SOBREMESAS EM PORÇÕES INDIVIDUAÍS


(UM DIA PARA HOMENAGEAR)
AQUI
TEREMOS SUGESTÕES
TRUQUES E SEGREDOS
PARA CONVIDAR
E
ARRASAR













FANTÁSTICA A IDEIA DE NOMEAR UM DIA PARA AS MÃES





UM DIA ÚNICO
QUE TAL PRESENTEÁ-LAS COM UM DIA DE RAINHA!!

DAR UMA RELAXADA NO SALÃO

NÃO TEMOS DÚVIDAS

Tudo que elas merecem é serem presenteadas com amor e carinho.

UM TOQUE NO VISUAL

Esse é um dia para agradecer!!

A TODAS AS MÃES DO MUNDO

SER MÃE É PADECER NO PARAISO

Mãe. Que a beleza das flores, a doçura do mel, o céu a lua e o brilho das estrelas, envolvam você hoje e que você continue irradiando este amor e esta alegria que você sempre nos ofereceu!



         ESPECIAL PARA MINHA MÃE

           
                           

quinta-feira, 5 de maio de 2011

MINHA RECEITA DE MOLHO A QUATRO QUEIJOS



Batatas gratinadas

INGREDINTES:

Um litro de leite
Duas colheres de sopa de farinha de trigo
Queijo gorgonzola
Queijo provolone
Queijo parmesão ralado
Um copo de requeijão


Coloque uma xícara de leite no liquidificador com a farinha de trigo e os queijos, reserve.
O restante do leite você coloca para ferver, baixe o fogo e adicione os demais ingredientes, mexendo sempre para não grudar no fundo da panela.
Quando estiver fervendo acrescente o requeijão, mexa bem e desligue o fogo.

SUGESTÕES:

Esse molho é ideal para guarnecer passa curta, como penne, gravatinha, parafuso...

O rondelle e o canelone a quatro queijos fica muito bom também.

Na lasanha eu coloco como última camada, o que pode ser feito com qualquer prato que precise ser gratinado.

Em casa gostamos de mesclar com o molho de tomate.

PS. GUARDO TODAS  AS SOBRAS DE QUEIJO NO FREEZER PARA USAR NESTA RECEITA. COMO TAMBÉM APROVEITO O PARMESÃO QUE FICA NA QUEIJEIRA ESQUECIDO.

terça-feira, 3 de maio de 2011

VIVENDO NA DOR









VIVENDO NA DOR

                                             
                                             (Rosário lyra)



Por vezes pressinto ...
Muda o tempo desatina a dor, e através do frio vento, o desalento;
Pereço contida,  na dor permaneço.
Na dor adormeço, sem descanso na dor, aurora não reconheço.


Por vezes adoeço...
Sinto o líquido frio dos metais em minhas entranhas,
Até compreender que só o havia encontrado na dor
Dor, sigo pelas ruas sem me nutrir,  amalgama não me sustenta.

Por vezes padeço...
Faminta de sorriso resvalado, sigo triste com prótese, hastes, pinos.
Dor que desatina e me limita,careço travessia,
Por largas avenidas correr sem mobilidade não mais. Padeço.





  

MINHA RECEITA DE CALDA QUENTE DE CHOCOLATE


CALDA QUENTE DE CHOCOLATE




INGREDIENTES:

Um copo americano de açúcar,
A mesma medida de leite,
E de chocolate em pó.


Misture bem com uma espátula, coloque no fogo em uma panela alta porque sobe ao ferver, deixar engrossar um pouco.
Você pode colocar em uma molheira que possa ir ao microndas e esquentar sempre que for servir.
Eu tenho uma com tampa que levo à geladeira. Temos sempre calda por uns dias.

OPÇÕES:

Essa calda fica maravilhosa com profiteroles, compro as carolinas, recheio com sorvete de creme, deixo congelar e sirvo com a calda quente.

Você pode deixar engrossar mais e cobrir bolo de cenoura, fica uma delícia.

Simplesmente sirva com sorvete de creme e chocolate.

Gosto muito de rechear crepes com frutas e chantilly e regar com essa calda.

PS. Esta calda é muito versátil e fácil de fazer!

segunda-feira, 2 de maio de 2011

FOREVER YOUNG

ETERNAMENTE JOVEM
                         
Vamos dançar com elegância, vamos dançar por um instante. O paraíso pode esperar, estamos apenas observando os céus, desejando o melhor, mas esperando o pior.
Você vai deixar a bomba cair ou não?
Deixem-nos morrer jovens ou deixem-nos viver eternamente. Nós não temos o poder, mas nunca devemos dizer "nunca". Sentado num fosso de areia, a vida é uma viagem curta.
A música é para os homens tristes...
Você consegue imaginar quando esta corrida estiver ganha?
Transformamos nossos rostos dourados de sol, louvamos nossos Líderes, estamos entrando em sintonia.
A música é tocada pelos homens loucos...

Eternamente jovem, eu quero ser eternamente jovem. Você realmente quer viver eternamente?
Eternamente e sempre?
Eternamente jovem, eu quero ser eternamente jovem. Você realmente quer viver eternamente?
Eternamente jovem?

Alguns são como água, alguns são como calor, alguns são a melodia e alguns o ritmo.
Cedo ou tarde, todos eles estarão mortos. Porque eles não permanecem jovens?
É tão difícil ficar velho sem um motivo. Eu não quero perecer como um cavalo moribundo. A juventude é como diamantes ao sol e diamantes são para sempre...
Tantas aventuras não poderiam acontecer hoje, tantas canções que esquecemos de tocar, tantos sonhos arrumando-se de repente, nós vamos deixa-los tornar-se realidade.

Eternamente jovem, eu quero ser eternamente jovem. Você realmente quer viver eternamente?
Eternamente e sempre?
Eternamente jovem, eu quero ser eternamente jovem. Você realmente quer viver eternamente?
Eternamente jovem?

PS. Recebi este pedido de um querido amigo, FOREVER YOUNG. Nosso projeto de permanecer atuante  através de uma ONG. Não tivemos tempo ainda de realizar... Por sermos eternamente jovens, podemos esperar.
Também nunca tinha reparado na letra da musica, fato comum na vida de pessoas atribuladas, por isso resolvi postar.